segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

TOBIAS: A ORAÇÃO, O ABRAÇO E A SERPENTE



A ORAÇÃO, O ABRAÇO E A SERPENTE
Uma Mensagem de Tobias
Canalizado por Geoffrey Hoppe




Vamos falar sobre oração por um momento.

Quando humanos rezam, especialmente em grupos, queremos muito partilhar com vocês o que vemos de nosso lado. Vemos que no mais fundo há um desejo para que o bem seja feito, mas vemos energias não apropriadas.

Quando ouvimos grupos de humanos rezando, de vez em quando há tanta confusão e desequilíbrio que temos que pular fora do caminho, ficar de fora destas rezas. Os humanos não sabem para o que rezam.

É quando há uma consciência de equilíbrio.
Quando você olha para dentro em primeiro lugar.

Quando todos estes eventos aconteceram (os ataques terroristas), não estamos dizendo que foi ruim que o mundo tenha rezado, mas vocês precisavam ter ouvido algumas das preces! Não faziam sentido!

Vocês sabem o que é mais poderoso que uma oração?
É o abraço!

É o abraço dado sem nada pedir de volta.
É o partilhar de amor e de energia.
Que não tenta mudar ou transformar a pessoa.
Que tenta conectar-se com ela.

Quando duas energias que funcionam em diferentes vibrações tocam uma a outra, ocorre um novo e mais elevado nível de energia que é alcançado por ambas as partes que se tocaram.

Abraçar-se é uma expressão simples de amor.
Algo se modifica que muda ambas as pessoas.

A energia de pessoa alguma deveria ser considerada fraca ou forte, melhor ou pior. Uma conexão é o que ocorre.

A oração é tão mal entendida em sua sociedade. Desafiamos os Shaumbra a pesquisar um novo jeito de rezar. Os humanos são tão ligados a palavra “reza,” e sabemos que ficam chocados quando dizemos que ela não é mais eficaz.

Quando você sente compaixão, e há lágrimas em seus olhos e você cuida de outro humano... isso é que faz a diferença na medição de energia.

Não são as orações rezadas.
É o que foi sentido no coração.

Um Trabalhador de Luz que encontra uma serpente (uma escuridão) em seu caminho e deseja tratar a serpente, ele quer encontrar a criança interna ferida da serpente. Isso é energia desequilibrada. Ele não sabe o que está tentando curar. Não tem a mínima idéia, mas pensa que iria curar a serpente. Ele pensa que com seu programa, quando curar a serpente, se tornará um herói. Pensou que fosse um curador e a serpente o paciente. Não é assim que a (nova)energia funciona.

Em primeiro lugar tem que se compreender porque a serpente está ali.
Ele não entendeu. Ele não fez perguntas.

Quando você reza, não entende muito para quê está rezando.
Quando você reza pela paz, como é que parece esta reza?
O que é paz?

Se você reza pela paz, mas continua havendo escuridão necessitando ser liberada, então ela está sendo acobertada. Há uma cobertura açucarada na paz, que não vai segurar.

Tem havido problemas na área de seu mundo chamada Oriente Médio. Tem aí uma cobertura açucarada dizendo, ‘Vamos dar um aperto de mãos e ficamos amigos.” Mas, quando dão as costas, a serpente surge, pois não deram atenção a ela. Ela não foi liberada.

Quando você reza pela paz, pelo o quê está rezando?

De uma maneira, o programa é, “Por favor, querido Deus, faça com que meus problemas desapareceram. Não quero vê-los.”

A questão é compreender a consciência em elevação.
Cada vez que a consciência se eleva, a serpente aparece.

Mas, cada vez vai ser mais fácil lidar com ela, dizendo, “Por que você está em meu caminho? Eu sou Shaumbra. Sou forte e divino, e pergunto o que é que você busca.”

E assim é.

Tobias

________________________________

Este texto é parte da canalização

"A Escuridão Interior Busca Liberação" -P&R,
de outubro de 2002.

Canalização na integra em www.crimson.circle.com
Tradução: Sonia Gentil
www.novasenergias.net

Colaboração: Thais Marzagão
________________________________

MUITA LUZ!
STELA
Postar um comentário