quarta-feira, 10 de julho de 2013

ORAÇÃO CELTA


ORAÇÃO CELTA


Que despertes para o mistério de estar aqui e compreendas a silenciosa imensidão da tua presença.

Que tenhas alegria e paz no templo dos teus sentidos.

Que recebas grande encorajamento quando novas fronteiras acenam.

Que respondas ao chamado do teu Dom e encontre a coragem para seguir-lhe o caminho.

Que a chama da raiva te liberte da falsidade.

Que o ardor do coração mantenha a tua presença flamejante e que a ansiedade jamais te ronde.

Que a tua dignidade exterior reflita uma dignidade interior da alma.

Que tenhas vagar para celebrar os milagres silenciosos que não buscam atenção.

Que sejas consolado na simetria secreta da tua alma.

Que sintas cada dia como uma dádiva sagrada tecida em torno do cerne do assombro.

Que sejas abençoado nos Nomes Sagrados daqueles que suportam a nossa dor pela montanha da transfiguração acima.

Que conheças o suave abrigo e a graça restauradora quando fores chamado a resistir na morada da dor.

Que os pontos de escuridão no teu íntimo se voltem na direção da luz.

Que te seja concedida a sabedoria de evitar a falsa resistência e, quando o sofrimento bater à porta da tua vida, sejas capaz de lhe vislumbrar a dádiva oculta.

Que sejas capaz de enxergar os frutos do sofrimento.

Que a memória te abençoe e te abrigue com a arduamente obtida luz do esforço passado, que isso te dê confiança e segurança.

Que uma janela de luz sempre te surpreenda.

Que a graça da transfiguração te cure as feridas.

Que saibas que, embora a tempestade possa rugir, nem um fio do teu cabelo será magoado.


http://stelalecocq.blogspot.com.br/
Textos extraídos do livro “Ecos Eternos” de John O’Donohue
Publicado no facebook por O Bosque de Berkana

LUZ!
STELA

Nenhum comentário: